Saiba como poupar energia

  • Casa Verde

Saiba como poupar energia

03 de Novembro 2023

6 min de leitura

Na hora de poupar, toda a ajuda conta. Saiba como poupar energia e reduzir a sua fatura mensal com estas dicas úteis.

Como poupar energia? Conheça as melhores dicas de poupança energética

Saiba como poupar energia
  • Introdução

    A palavra poupança está na ordem do dia. Num esforço para controlar e, por vezes, fazer esticar o orçamento familiar, há que tentar reduzir ao máximo consumos desnecessários, entre os quais os consumos energéticos.

    Com uma cada vez maior dependência de equipamentos eletrónicos, o desafio ao poupar energia reside em mudar alguns hábitos, sem que isso afete substancialmente o seu estilo de vida. Pode não ser uma tarefa fácil de início, mas não é de todo impossível e pouco a pouco estes novos hábitos passam a tornar-se parte das suas rotinas.

    Neste artigo damos-lhe a conhecer várias formas de poupar energia que o ajudarão não só a controlar o seu orçamento, como a proteger o planeta.

  • Como poupar energia em casa?

    Em casa

    Do isolamento das paredes, janelas e portas, até ao aproveitamento da energia solar e criação de novas rotinas: tornar a sua casa mais eficiente do ponto de vista energético é mais simples do que poderá imaginar.

    • Considere a instalação de painéis solares em casa que lhe permitirão produzir a sua própria energia de forma sustentável através da luz solar, reduzindo a sua fatura mensal.

    • Certifique-se que a sua casa está devidamente isolada a nível térmico para evitar ao máximo o recurso a fontes de aquecimento ou arrefecimento. Paredes duplas com isolamento térmico entre ambas, instalação de janelas de vidro duplo com corte térmico, aplicação de fitas isoladoras e até a colocação de almofadas junto às janelas e portas poderão ajudar a equilibrar a temperatura dentro de casa.

    • Comunique as leituras de luz com regularidade, dentro das datas recomendadas, para evitar faturas com valores elevados baseados em estimativas. Se já é cliente Iberdrola, poderá enviar as suas leituras através do nosso site ou da nossa App.

    • Caso tenha optado por uma tarifa bi-horária, agende o funcionamento das máquinas de lavar loiça e roupa para o período noturno.

    • Na altura em que as temperaturas estão mais elevadas lá fora, opte por arejar a casa nas primeiras horas da manhã e durante a noite, altura em que o ar exterior é mais fresco do que o interior. Abra janelas em lados opostos da casa para criar correntes de ar.

    • Nas zonas comuns, considere a instalação de sensores de movimento que lhe permitem usar energia apenas quando necessário.

  • Poupar energia no quarto

    No quarto

    A eficiência energética poderá ser igualmente trabalhada divisão a divisão com pequenos truques que lhe permitirão reduzir a sua fatura mensal.

    • Ao pintar as paredes de branco, estas refletirão a luz natural, ajudando a manter a divisão iluminada, e reduzindo assim a necessidade de recurso a iluminação artificial.

    • Colocar espelhos junto às janelas poderá ajudar a espalhar essa mesma luz natural pelo quarto.

    • Troque as suas lâmpadas tradicionais (fluorescentes ou luminescentes) por lâmpadas LED que duram mais tempo e gastam menos energia.

    • Assim que a bateria dos seus equipamentos eletrónicos esteja totalmente carregada, desligue-os da tomada, caso contrário continuarão a consumir energia sem necessidade.

    • Lembre-se de apagar a luz sempre que sai de uma divisão.

  • Poupar energia na sala

    Na sala

    Na sala há que ter especial atenção aos equipamentos eletrónicos que normalmente deixamos ligados sem necessidade.

    • Tente ao máximo não deixar equipamentos eletrónicos em modo standby - como a televisão, por exemplo - evitando que estes continuem a consumir energia desnecessariamente. Uma boa alternativa é recorrer a tomadas inteligentes, que permitem desligar automaticamente vários equipamentos em simultâneo.

    • Tente ao máximo não deixar equipamentos eletrónicos em modo standby - como a televisão, por exemplo - evitando que estes continuem a consumir energia desnecessariamente. Uma boa alternativa é recorrer a tomadas inteligentes, que permitem desligar automaticamente vários equipamentos em simultâneo.

    • Recorra igualmente a tomadas com temporizadores que lhe permitem definir os períodos horários em que determinados aparelhos podem estar ligados.

    • Tenha sempre em atenção a eficiência energética ao decidir comprar um novo aparelho eletrónico. Quanto maior for a eficiência, maior será a poupança a longo prazo.

    • Ao contratar potência certifique-se que esta se encontra ajustada ao número de equipamentos que se encontram normalmente ligados ao mesmo tempo.

  • Poupar energia na cozinha

    Na cozinha

    A sustentabilidade na cozinha não se aplica apenas aos ingredientes usados, mas também à forma como os cozinhamos. Existem pequenos truques que lhe permitirão poupar energia sem qualquer interferência na qualidade dos pratos cozinhados.

    • Ao cozinhar com um tacho pequeno, evite usar as bocas maiores do seu fogão já que estas gastam mais energia do que as bocas mais pequenas.

    • Sempre que puder, recorra a panelas de pressão, que cozinham mais rapidamente do que as outras panelas. Ao usar panelas normais, cubra-as com uma tampa e não coloque demasiada água de forma a reduzir o tempo de fervura.

    • Quando a água começar a ferver, diminua a chama do fogão ou a potência da placa.

    • Desligue o fogão/forno antes do tempo e deixe que a comida termine de cozinhar com o calor. Evite igualmente abrir a porta do forno demasiadas vezes para não perder calor. Poderá utilizar a iluminação interior para ir controlando o processo de cozedura.

    • Opte pela utilização do microondas como alternativa ao forno, sempre que possível. O microondas poupa entre 60% a 70% de energia relativamente aos fornos convencionais.

    • Encha ao máximo a máquina de lavar loiça antes de colocá-la em funcionamento para reduzir o número de lavagens e assim poupar energia. Lavar loiça à mão só será melhor opção se recorrer a água fria, caso contrário poderá estar a consumir 40% mais energia do que se a tivesse lavado na máquina.

    • Deixe também a loiça secar ao ar livre em vez de recorrer ao programa de secagem da máquina.

    • Evite abrir e fechar a porta do seu frigorífico muitas vezes seguidas. Guarde ou retire o que precisa de uma só vez, e evite reservar comida ainda quente/morna no seu interior, pois irá fazer com que haja um maior consumo de energia para manter a temperatura da comida fria.

    • Mantenha sempre o seu congelador cheio (nem que seja com garrafas de água) para evitar que o calor entre nos locais vazios sempre que abre a porta.

    • Ao descongelar os alimentos no interior do frigorífico, aproveita a energia utilizada para congelá-los.

    • Para uma utilização eficiente do frigorífico, controle a temperatura para que não seja demasiado baixa e evite a acumulação de gelo no seu interior, bem como no congelador. Opte por um frigorífico "no frost".

    • Verifique se as borrachas das portas do frigorífico estão a isolar bem. Deverá igualmente verificar se o equipamento se encontra longe de zonas que recebam sol direto e de fontes de calor como o forno. O frigorífico deverá ser instalado a alguns centímetros de distância da parede.

    • Durante a noite ou em alturas que se encontre longe de casa, desligue a caldeira ou o esquentador para poupar energia.

    • Mantenha a caldeira em bom estado para poupar até 22% do consumo de energia.

  • Poupar energia na lavandaria

    Na lavanderia

    Na hora de tratar da roupa, existem alguns truques que lhe permitirão poupar energia sem comprometer a limpeza e higiene das suas peças de vestuário.

    • Certifique-se que enche a máquina com o máximo de roupa permitido, antes de iniciar uma lavagem, para poupar energia e água.

    • Ao utilizar a máquina da roupa, tente sempre que possível lavar a temperaturas mais baixas. Lavagens a 30º gastam metade da energia das lavagens a 60º.

    • Sempre que as condições climatéricas o permitirem, opte por secar a roupa ao ar livre em vez de usar a máquina de secar. Se não tiver outra hipótese, não a encha em demasia, pois irá retardar a secagem da roupa, gastando mais energia.

    • Na altura de passar a roupa a ferro, aproveite o facto de, no início, o ferro ainda não estar muito quente e comece com as peças que não permitem altas temperaturas, deixando para o final as mais resistentes.

    • Se não estiver a utilizar o ferro por breves instantes, desligue-o. Mas apenas durante o tempo suficiente para que este não arrefeça.

  • Poupar energia na casa de banho

    Na casa de banho

    Poupar água é tão importante quanto poupar energia. No que toca à casa de banho, damos-lhe algumas dicas que lhe proporcionarão uma poupança dupla nas suas faturas mensais.

    • Instale redutores de fluxo de água nas torneiras e chuveiros, e fique atento às torneiras, para controlar a tempo quaisquer fugas.

    • Desligue a torneira sempre que não estiver a usar água, como por exemplo entre a lavagem das mãos ou dos dentes.

    • Enquanto aguarda que a água do banho aqueça, guarde-a para usar posteriormente para regar plantas e cozinhar, por exemplo.

    • Encha uma garrafa com água e coloque-a dentro do autoclismo. As descargas terão uma eficiência energética muito superior.

    • Se se ausentar de casa, não deixe equipamentos a gás ligados, tanto por uma questão de poupança como de segurança. No caso de sentir algum cheiro a gás ou detetar fugas, feche o redutor e as torneiras do aparelho e abra as janelas e portas da casa.

    • Não coloque as botijas de gás perto de fontes de calor nem ao sol. Mantenha-as sempre de pé e evite transportar no carro mais do que duas em simultâneo, cheias ou vazias, levando as janelas abertas.

    • Ao comprar uma nova botija de gás equivalente à anterior, a troca é feita sem se sujeitar a qualquer tipo de pagamento ou prestação de caução. No entanto, se mudar o fornecedor tenha em atenção o redutor, que poderá ser diferente dependendo da marca adquirida.

  • Poupar energia na garagem

    Na garagem

    Sabia que existem vários truques que o podem ajudar a otimizar o seu consumo de combustível e a reduzir os seus custos?

    • Sempre que utilizar o carro, opte por encher o depósito de combustível de uma só vez, em vez de fazê-lo em várias paragens. A evaporação do combustível acontece mais rapidamente quando há mais espaço no compartimento do tanque.

    • Na bomba de combustível, encha lentamente o depósito em vez de apertar a pistola com força. Ao encher mais lentamente, cria-se menos vapor o que lhe permitirá aproveitar mais combustível.

    • Coloque na bagageira do veículo apenas o necessário e evite transportar carga no tejadilho para poupar no combustível. O peso a mais irá gerar um maior consumo do mesmo.

    • Não se faça à estrada sem verificar a pressão dos pneus. A pressão certa promove poupança de combustível.

    • Evite acelerações e desacelerações desnecessárias durante a sua viagem. Uma condução suave consome menos combustível e ajuda-o a poupar.

  • Poupar energia no verão

    No verão

    Nos dias mais quentes de verão, é normal que o consumo energético suba. Numa tentativa de escapar ao calor, é fácil optar por ligar o ar condicionado, com consequências para a sua fatura. Descubra as alternativas que o ajudarão a poupar energia.

    • Aproveite as noites quentes do Verão para arejar a casa e poupe na conta da eletricidade. Durante o dia, mantenha as janelas, os cortinados e os estores fechados para evitar que o calor entre.

    • Nos dias mais quentes opte por uma ventoinha de pé ou de teto em vez de ar condicionado.

    • Com uma temperatura adequada consumirá menos. Uma temperatura de 26ºC no Verão é confortável. O nosso corpo não precisa de uma temperatura mais baixa para sentir uma sensação de comodidade. Por cada grau a menos de temperatura, o consumo de energia em ar condicionado aumenta entre 4% e 6%.

    • Não climatize espaços vazios. Desligue o ar condicionado sempre que se ausentar de casa ou de uma determinada divisão.

    • Afaste o termostato do ar condicionado do calor. Instale o termostato e mantenha o comando à distância (se tiver termostato integrado) longe de fontes de calor e num lugar que não receba diretamente luz do sol.

  • Poupar energia no inverno

    No inverno

    No inverno verifica-se o mesmo aumento de consumo energético. A diferença reside no intuito, que passa agora para o aquecimento da casa. Mas e se lhe disséssemos que um dos truques que lhe damos para poupar energia no inverno envolve a utilização de uma ventoinha?

    • Durante o inverno poupe em aquecimento energético e abra as cortinas e os estores para deixar que o sol aqueça a sua casa naturalmente.

    • Experimente ligar a ventoinha de teto na direção contrária aos ponteiros do relógio. Isto fará com que o ar quente que se acumula no teto baixe e se distribua pela casa, tornando-a mais quente.

    • Em vez de acender a lareira, que gera grandes custos, opte por um recuperador de calor que tem o triplo da eficiência.

    • Ao instalar vidros duplos evita que as baixas temperaturas do exterior entrem para dentro de casa e promove uma boa climatização, poupando energia.

    • Limpe os filtros dos ar condicionados e aquecedores pelo menos uma vez ao ano. Um filtro obstruído faz com que o ar condicionado necessite mais energia para desempenhar as mesmas funções.

    Depois de lidas estas dicas para poupar energia, descubra como poupar ainda mais: faça uma simulação para descobrir o plano que melhor se adapta às suas características de consumo ou consulte o nosso catálogo de planos de eletricidade e gás e escolha o que melhor se adequa às suas necessidades.